Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens que correspondem à pesquisa por Morte

Morte

Morte (dolatim mors),óbito (dolatim obitu),falecimento (falecer+mento),passamento (passar+mento) ou ainda desencarne(deixar a carne), são sinônimos usados para se referir ao processo irreversível de cessamento das atividades biológicas necessárias à caracterização e manutenção da vida em um sistema outrora classificado como vivo. Após o processo de morte o sistema não mais vive; e encontra-se morto. Os processos que seguem-se à morte (pós-mortem) geralmente são os que levam à decomposição dos sistemas. Sob condições ambientais específicas, processos distintos podem segui-la, a exemplo aqueles que levam à mumificação natural ou a fossilização de organismos.
A morte faz-se notória e ganha destaque especial ao ocorrer em seres humanos. Não há nenhuma evidência científica de que a consciência continue após a morte, no entanto existem várias crenças em diversas culturas e tempos históricos que acreditam em vida após a morte.
Com notórias consequências culturais e suscitando interesse recorre…

Luto

Quem nunca passou pela dor de uma perda repentina ou não?
Certamente todos nós.
Ou a estamos passando, ou passamos, ou vamos passar ou passaremos de novo.
O luto é uma dor que aparentemente interminável.
Passar pelo luto não é fácil.
Toda dor é dor, nenhuma dor é igual a outra. E todos nós estamos sujeitos a ela.
Primeiro vem o choque inicial. Principalmente se você não estava esperando.
A pessoa sai saudável de casa e de repente ou sofre um mal súbito ou um acidente de carro nos vindo logo a seguir a noticia.
Todos nós somos seres únicos, ou seja, cada um encara a dor da perda de forma diferente.
Em outras palavras todos nós temos nosso próprio tempo.
O luto em si nos faz passar por uma avalanche de sentimentos que variam da revolta pela perda repentina a culpa. Medo, raiva, sensação de impotência.
Chore sua dor, viva o seu luto. Seu momento.
Não tente bancar o forte a todo momento. Permita-se desabar. Você é humano não uma máquina.
É natural que sintamo-nos culpados, que fiquemos com raiva, medo…
Morte Coletiva

Muitas vezes nos deparamos com situações trágicas onde grupos de pessoas desencarnam. Vimos isso ocorrer na tragédia da Boate Kiss, nos atentados de 11 de Setembro, em outros acidentes aéreos, incêndio no Edifício Joelma, Andraus e tantas outras tragédias . Abalando a todos. Deixando a todos com a mesma questão. Porque? O espiritualismo se nos esclarece esta dúvida e tantas outras. Segundo a espiritualidade nesses casos houve um resgate coletivo. O livro O Consolador psicografado pelo médium Chico Xavier nos diz: "Como se processa a provação coletiva? Na provação coletiva verifica-se a convocação dos Espíritos encarnados, participantes do mesmo débito, com referência ao passado delituoso e obscuro. O mecanismo da justiça, nas leis das compensações, funciona então espontaneamente, através do preposto de Cristo, que convocam os comparsas na divida no pretérito para os resgates em comum, razão por que, muitas vezes, intitulais "doloroso acaso" às circunstâncias reúnem …
Morte Coletiva

Muitas vezes nos deparamos com situações trágicas onde grupos de pessoas desencarnam. Vimos isso ocorrer na tragédia da Boate Kiss, nos atentados de 11 de Setembro, em outros acidentes aéreos, incêndio no Edifício Joelma, Andraus e tantas outras tragédias . Abalando a todos. Deixando a todos com a mesma questão. Porque? O espiritualismo se nos esclarece esta dúvida e tantas outras. Segundo a espiritualidade nesses casos houve um resgate coletivo. O livro O Consolador psicografado pelo médium Chico Xavier nos diz: "Como se processa a provação coletiva? Na provação coletiva verifica-se a convocação dos Espíritos encarnados, participantes do mesmo débito, com referência ao passado delituoso e obscuro. O mecanismo da justiça, nas leis das compensações, funciona então espontaneamente, através do preposto de Cristo, que convocam os comparsas na divida no pretérito para os resgates em comum, razão por que, muitas vezes, intitulais "doloroso acaso" às circunstâncias reúnem …